+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

FAPDF entrega Prêmio Ciência, Tecnologia e Inovação – Estudante Destaque 2015

A Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF) promoveu, hoje (03), a entrega do Prêmio Brasília de Ciência, Tecnologia e Inovação — Estudante Destaque. Além da diretora-presidente da FAPDF, Ivone Rezende Diniz, o evento contou com a presença do governador Rodrigo Rollemberg, do secretário de Educação, Esporte e Lazer, Júlio Gregório Filho, do subsecretário de Educação Básica, Daniel Crepaldi, do coordenador de Ciência e Tecnologia, Oskar Klingl, do chefe da Casa Civil, Sérgio Sampaio, e da deputada distrital Luzia de Paula. Os prêmios de R$ 800 a R$ 10 mil foram para os primeiros, segundos e terceiros colocados das categorias Ensino Fundamental, Ensino Médio e Educação Profissional e Tecnológica e para os primeiros e segundos lugares da categoria Educação de Jovens e Adultos.

Também foram agraciados com dinheiro os professores e as escolas envolvidos nos projetos selecionados.  “Entendemos que a formação do pesquisador começa com o despertar da curiosidade e da educação científica e tecnológica na mais tenra idade”, afirmou a diretora-presidente da fundação.

A premiação é inédita. Os vencedores foram selecionados durante o Circuito de Ciências das Escolas Públicas, promovido anualmente pela Secretaria de Educação, Esporte e Lazer, com etapas regional e distrital, após diversas apresentações dos trabalhos, inclusive na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. “Um trabalho como esse acaba desenvolvendo na nossa juventude curiosidade e interesse pelas profissões de caráter científico”, ressaltou Rollemberg.

INOVAÇÕES– Com um aplicativo para celular que lembra o idoso da hora correta para tomar a medicação e avisa os familiares e cuidadores de que o remédio foi consumido, Mateus Caixeta e Victor Kaio Rodrigues, ambos de 16 anos, levaram o primeiro lugar  na categoria Educação Profissional e Tecnológica. Alunos do segundo ano no Centro de Ensino Médio Integrado do Gama, eles desenvolveram a ferramenta com o apoio de professores.

Na categoria Ensino Médio, estudantes do Centro Educacional Agrourbano Ipê, do Riacho Fundo II, projetaram uma casa sustentável de superadobe, com sistema de reaproveitamento de água e utilização da luz natural. Além disso, colocaram a mão na massa e estão construindo a casa no terreno do colégio com o apoio de professores e da comunidade. Quando concluído, o espaço será usado por toda a comunidade escolar.

No evento, eles expuseram uma maquete do projeto. “Aprendemos muito com isso, como trabalhar em equipe, ajudar um ao outro, foi maravilhoso”, destacou a aluna do terceiro ano do ensino médio Rayssa Cavalcante, de 18 anos.

Para Amélia Cristina Araripe, diretora da Escola Meninos e Meninas do Parque, vencedora na categoria Educação de Jovens e Adultos, o prêmio concretiza uma ação. “Por meio do conhecimento, o estudante pode repensar e mudar a situação de vida dele.” A unidade de ensino onde Amélia trabalha atende apenas moradores de rua, e eles desenvolveram uma bateria orgânica a partir de uma batata.

Projetos premiados e respectivas escolas

Educação de Jovens e Adultos

1º lugar: Há luz no caminho

Escola Meninos e Meninas do Parque

2º lugar: A importância da energia elétrica

CEF 206 do Recanto das Emas

Ensino Médio

1º lugar: Agrourbano sustentável e sala ecológica

Centro Educacional Agrourbano Ipê (Riacho Fundo II)

2º lugar: Análise comparativa do nível de proteção dos materiais à radiação ultravioleta

Centro de Ensino Médio 2 do Gama

3º lugar: Painel solar

Centro de Ensino Médio Júlia Kubitschek (Candangolândia)

Educação Profissional e Tecnológica

1º lugar: Alarme Health II

Centro de Ensino Médio Integrado do Gama

2º lugar: Açúcar: herói ou vilão?

Centro de Educação Profissional — Escola Técnica de Saúde de Planaltina

3º lugar: Software educacional de física para o ensino médio

Centro de Ensino Médio Integrado do Gama

Ensino fundamental

1º lugar: Microscópio artesanal

Centro Educacional Vargem Bonita (Núcleo Bandeirante)

2º lugar: Projeto de educação ambiental e ecologia humana

Centro de Ensino Fundamental Telebrasília (Riacho Fundo)

3º lugar: Luz é a ciência da vida

Centro Educacional 1 do Guará

Fonte: FAP-DF

Próximos Eventos