+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

Controle e redução de gastos na Sectti ultrapassam metas no ES

Passados os primeiros três meses da nova administração, gestores das áreas de finanças e orçamento, patrimônio e recursos humanos da Secretaria da Ciência, Tecnologia Inovação, Educação Profissional e Trabalho (Sectti) já têm motivos para comemorar os primeiros resultados das ações de redução e controle de gastos determinadas pelo Governo do Estado. Somente com aluguel e condomínio, as projeções para 2015 são de redução de 28% e 35%, respectivamente, em relação aos anos anteriores.

De acordo com a chefe do Grupo de Recursos Humanos (GRH), Silvana Binda, o secretário Guerino Balestrassi instituiu uma comissão de servidores e, diariamente, passou a ouvir e discutir propostas de readequação e otimização de espaços, com objetivo de garantir a redução de custos sem perder de vista as condições de trabalho e a qualidade de vida dos servidores. “Todos compreenderam a situação e se engajaram sem medir esforços. Foi uma grande contribuição do quadro de servidores da Sectti”, esclareceu.

Já o chefe do Grupo de Administração (GA), Francis Muller Romim, informou que foi realizado um verdadeiro mutirão dos servidores, o que evitou novos gastos com as adequações. “Com criatividade, esforço e compreensão de todos foi possível identificar oportunidades que nos possibilitaram repactuar valores e conter gastos. Para 2015, projetamos reduções significativas, como no aluguel e condomínio”, pontuou.

As medidas continuam, como a redução de cargos comissionados, o controle mais rigoroso de veículos, consumo de luz e água, telefonia, material de consumo e outros. A expectativa dos principais gestores da Sectti, após a consolidação de todos os números, é de ultrapassar a meta estabelecida pelo Governo do Estado, de corte linear de 20% das despesas, e, assim, iniciar uma nova fase, com maior eficiência na prestação dos serviços da Secretaria.

Fonte: SECTTI-ES

Próximos Eventos