+55 (61) 4101-6508 / 4101-6509

Giro nos Estados

Amazonas incentiva publicação de trabalhos científicos

A fila de pesquisadores é grande no Amazonas para conseguir publicar os resultados dos trabalhos científicos com o aval do mercado editorial, mas tende a diminuir com o lançamento do Programa de Apoio a Publicações Científicas (Biblos) da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (FAPEAM). Os recursos financeiros são da ordem de R$ 450 mil e as inscrições vão até o dia 16 de março. O objetivo do Biblos é apoiar a publicação de livros, manuais, livros temáticos e coletâneas científicas nos suportes impresso, mídia eletrônica e digital.

De acordo com o diretor-presidente da FAPEAM, Odenildo Sena, o programa visa possibilitar que os cientistas tenham uma ferramenta a mais que permita a publicação dos resultados dos projetos, que é fundamental para quem realiza pesquisa. Ele explicou que por meio da publicação o pesquisador consegue ganhar visibilidade nacional. “A novidade é que os pesquisadores poderão apresentar propostas de diferentes editoras, pública ou privada, o que não acontecia antes, e os recursos serão liberados diretamente para o cientista”, ressaltou, acrescentando que esperam financiar cerca de 30 obras a um custo de R$ 15 mil por proposta.

Segundo a professora da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Elenise Faria Scherer, o Biblos é um estímulo a produção científica, pois atende a uma demanda histórica de pesquisadores, professores e estudiosos regionais que há muito tempo lutam ou ficam na fila de espera dos mercados editoriais para publicarem seus trabalhos de pesquisa. “As produções científicas, muitas vezes, perdem-se nas prateleiras ou nas bibliotecas, em geral, mal conservadas. Ele nos dará a oportunidade de ultrapassar os muros das universidades e dos institutos de pesquisa, possibilitando socializar os trabalhos para a público regional e nacional. E, mais, contribuir para o desenvolvimento científico, sociocultural e econômico do Estado do Amazonas”, observou.

Inscrições

Podem se candidatar mestres e doutores de qualquer área profissional, ser brasileiro ou naturalizado, com vínculo formal em Instituição de Pesquisa e/ou Ensino Superior (IPES) com unidade permanente no Estado do Amazonas e estar cadastrado nos bancos de pesquisadores (Currículo Lattes) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e da FAPEAM.

O prazo para execução das propostas será de até 12 meses. O recurso será concedido em parcela única na forma de auxílio-pesquisa no valor de até R$ 15 mil por proposta.

O material a ser analisado pela Fundação deverá, obrigatoriamente, ser produto de pesquisa científica conduzida por profissional e financiada por agência de fomento nacional ou internacional. A divulgação dos resultados está prevista para o mês de junho e a contratação das propostas para julho de 2010.

Para ler o edital na integra, clique aqui|.

Fonte: Agência Fapeam

Compartilhe:

    Próximos Eventos