Giro nos Estados

Acre certifica quase 50 jovens em curso de manutenção de computadores

O mercado de trabalho está cada vez mais competitivo e exige melhor qualificação e experiência em diversas áreas de atuação, por isso, o governo do Estado, por meio da Secretaria de Ciência e Tecnologia (Sect) e da Secretaria de Pequenos Negócios (Sepn), oferece oportunidades de capacitação nos Telecentros da Estação Experimental e da Cidade do Povo.

Na quarta feira, 4, o estado certificou aproximadamente 50 jovens que participaram do curso de Manutenção Preventiva de Computadores, realizado nos telecentros da Estação Experimental e Cidade do Povo.

A qualificação foi realizada com a proposta de gerar oportunidades de trabalho e renda, para que os jovens possam se tornar empreendedores, a partir desses incentivos do estado.

“Estamos muito satisfeitos com esse resultado, os formando são jovens compromissados com o futuro profissional e que abraçaram a oportunidade, hoje eles saem com o conhecimento e uma estrutura básica para ingressarem no mercado de trabalho. Temos um leque de cursos programado para este ano, aqui na Cidade do Povo e nos demais Telecentros, quero agradecer aos nossos parceiros realizadores desse curso que nos auxiliaram na formação de novas turmas”, ressaltou a gestora da Sect, Renata Souza.

“Sempre sonhei com esse curso, pra mim foi uma grande oportunidade”, disse Edileuda de Almeida (Foto: Alexandre Noronha/Secom)

Na oportunidade, cada formando recebeu um kit de ferramentas básicas para a realização dos serviços em computadores para que possam iniciar suas atividades profissionais. O gestor da Sepn, Henry Nogueira, ressalta que a entrega dos equipamentos é um incentivo a mais para que os futuros empreendedores se sintam ainda mais motivados.

“A Secretaria de Pequenos Negócios tem a missão de levar oportunidade de trabalho e renda às pessoas assistidas por programas sociais de governo, os jovens que participaram do curso possuem diversos talentos e se destacaram durante a formação, acredito que eles serão grandes profissionais e podem contar com o apoio da secretaria para se tornarem empreendedores”, ressaltou Henry.

Acadêmica do curso de Sistema de Informação, Edileuda de Almeida considera que a capacitação foi uma oportunidade de aprimorar os conhecimentos e afirma que se sente preparada para iniciar as atividades a partir do aprendizado no curso oferecido pelo governo do estado.

“Pra mim é uma oportunidade única. Como eu já entendo um pouco, eu pretendo praticar e montar meu próprio negócio, além de ser um sonho, os serviços na área da computação é muito amplo e quero melhorar a renda de minha família”, disse.

É com esse desafio que Angel Aquilino conclui a formação e já estuda a viabilidade de se tornar um empreendedor na área de informática.

Alunos do telecentro na Cidade do Povo (Foto: Alexandre Noronha/Secom)

“Realmente esse projeto é muito importante, uma oportunidade nova, eu aprendi muito e quero prestar serviços à sociedade, já recebi algumas orientações de como abrir uma pequena empresa, sou muito grato ao governo do estado e ao pessoal que colaborou com o nosso conhecimento. Agora estamos com o queijo e a faca na mão”, afirmou.

Marcelo Ferreira, chefe da Divisão de Inclusão Digital da Sect, explica que existe grande demanda de mercado para o setor de informática e aposta na qualidade desses novos profissionais. “Muitas vezes as pessoas não têm noção de como se prevenir de danos no seu equipamento de informática, como fazer uma limpeza da máquina corretamente e, ainda, o que deve ser levado em conta na hora da aquisição desses equipamentos, considerando as evoluções da tecnologia e esses alguns dos assuntos trabalhados em sala de aula”, salientou Ferreira.

Fonte: SECT-AC

Próximos Eventos