+55 (61) 9 7400-2446

Giro nos Estados

3ª rodada do SEED encerra inscrições com recorde de candidaturas em MG

As inscrições para o SEED – Startups and Entrepreneurship Ecosystem Development terminaram no último dia 10, registrando o maior número de formulários enviados desde a criação do programa, em 2013. No total, foram 1.453 startups inscritas para o projeto, superando os números alcançados na última edição.

Ao todo, o programa recebeu inscrições de 48 países, somando mais de 4 mil empreendedores, de 52 nacionalidades diferentes e 23 estados brasileiros. Os países que mais originaram inscrições de fora do Brasil foram Chile, Estados Unidos e Argentina. Já entre os estados brasileiros, destaque para Minas Gerais, São Paulo e Paraná, seguidos por Rio de Janeiro e Santa Catarina. O resultado da primeira fase será divulgado no site www.minasdigital.mg.gov.br/seed a partir do dia 30 de março.

Próximo passo

Finalizadas as inscrições, tem início a primeira das três etapas de seleção das startups participantes. “A partir de agora, todas as startups inscritas passarão por um processo de análise, que vai selecionar as que possuem maior potencial de desenvolvimento e impacto no universo de inovação do estado”, explica Silvana Braga, Diretora Geral do SEED. Na primeira fase, os projetos inscritos serão avaliados por um Comitê Julgador a partir de critérios pré-determinados. As 160 que obtiverem melhor pontuação passam por novas análises e entrevistas.

Após as três etapas, serão definidas as 40 startups escolhidas para participar do processo de aceleração a partir de maio deste ano, que inclui mentorias e contatos com agentes e empreendedores do ecossistema local. Além disso, cada uma das selecionadas vai receber um incentivo financeiro, que pode chegar a R$ 80 mil.

História de sucesso

Sob condução da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior – SECTES, a terceira edição do programa traz como novidade um novo formato no sistema de verba, que passa a permitir que o incentivo seja concedido por antecipação e com contrapartida de apenas 5%. Outra mudança importante é a mudança da sede para o Espaço CentoeQuatro, que vai abrigar um ambiente moderno e interativo de coworking.

Iniciativa reconhecida em 2013 e 2014 como uma das que mais contribui para o desenvolvimento do ecossistema brasileiro de startups, em suas duas primeiras edições o SEED já acelerou 73 empresas em fase inicial, sendo 53 brasileiras e 20 estrangeiras. Ao todo, já passaram pelo programa 176 empreendedores, de 19 nacionalidades diferentes.

Fonte: SECTES-MG

Próximos Eventos