Giro nos Estados

20 anos da Fapepi são comemorados com Edição Especial

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi) completa 20 anos e, para comemorar este momento, a Sapiência edição 35 apresenta um dossiê especial sobre o assunto. O passado, o presente e o futuro da única agência de fomento à ciência, tecnologia e inovação do Estado são narrados em três matérias especiais.

A aprovação da lei nº 4.664, de 20 de dezembro de 1993, que criou a Fapepi foi o resultado dos esforços de um grupo de pesquisadores determinados que gestou por muito tempo a ideia de o Piauí ter uma instituição de fomento à pesquisa. A matéria de abertura do dossiê conta um pouco da história do principal idealizador da Fapepi, professor Afonso Sena Gonçalves. Ele, juntamente com seus parceiros, trabalhou com afinco em busca da concretização de um sonho que viria a beneficiar milhares de pesquisadores das mais diversas áreas do conhecimento.

Vamos conhecer também os presidentes que ajudaram a escrever os capítulos dessa história e que representam todos os colaboradores que contribuíram para a consolidação da Fundação. Na sessão Entrevistas, a atual presidente da Fapepi, professora Bárbara Melo faz uma análise das conquistas alcançadas, os avanços e os desafios enfrentados pela Fundação. Além disso, revela as expectativas e os planos traçados para as futuras ações da agência.

Nesta edição comemorativa, vale destacar os importantes editais lançados nos últimos anos pela Fundação em parceria com as agências federais de fomento, tais como: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e a Agência Brasileira da Inovação (Finep).

Programas, como o de Desenvolvimento Científico Regional – DCR/Piauí, estão sendo responsáveis pelo crescente desenvolvimento da Ciência e Tecnologia (C&T) em todo o Estado. Isto é percebido pelo surgimento de novas culturas relacionadas às áreas de C&T, pelo aumento de capital humano qualificado e pela fixação deste na região, pela interiorização das pesquisas e pela consolidação dos programas de pós-graduação.

Fonte: FAPEPI

Próximos Eventos