CONSECTI http://www.consecti.org.br Conselho Nacional de Secretários Estaduais para Assuntos de Ciência, Tecnologia e Inovação Thu, 30 Oct 2014 15:57:04 +0000 pt-BR hourly 1 http://wordpress.org/?v=4.0 Nota Pública – Consectihttp://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/nota-publica-consecti/ http://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/nota-publica-consecti/#comments Thu, 30 Oct 2014 15:57:04 +0000 http://www.consecti.org.br/?p=23556 Nota Pública acordo PCTI

The post Nota Pública – Consecti appeared first on CONSECTI.

]]>
Nota Pública acordo PCTI

The post Nota Pública – Consecti appeared first on CONSECTI.

]]>
http://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/nota-publica-consecti/feed/ 0
Instituto Centec diploma 75 técnicos e tecnólogos na região do Caririhttp://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/instituto-centec-diploma-75-tecnicos-e-tecnologos-na-regiao-cariri/ http://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/instituto-centec-diploma-75-tecnicos-e-tecnologos-na-regiao-cariri/#comments Thu, 30 Oct 2014 13:37:49 +0000 http://www.consecti.org.br/?p=23554 O Instituto Centro de Ensino Tecnológico (Centec), por meio da Faculdade de Tecnologia Centec (Fatec) Cariri, diplomou na última sexta (24/10), no auditório do IFCE em Juazeiro do Norte, 41 tecnólogos dos cursos superiores de Tecnologia em Alimentos, Manutenção Industrial, Irrigação e Drenagem e Saneamento Ambiental; e 34 técnicos dos cursos de nível médio em […]

The post Instituto Centec diploma 75 técnicos e tecnólogos na região do Cariri appeared first on CONSECTI.

]]>
O Instituto Centro de Ensino Tecnológico (Centec), por meio da Faculdade de Tecnologia Centec (Fatec) Cariri, diplomou na última sexta (24/10), no auditório do IFCE em Juazeiro do Norte, 41 tecnólogos dos cursos superiores de Tecnologia em Alimentos, Manutenção Industrial, Irrigação e Drenagem e Saneamento Ambiental; e 34 técnicos dos cursos de nível médio em Eletroeletrônica, Eletrotécnica, Mecânica e Meio Ambiente.

Um dos mais recentes tecnólogos em Manutenção Industrial, Francisco dos Santos, mal recebeu o seu diploma e já está com o emprego garantido. “Eu entrei na faculdade meio perdido, mas fui me encontrando ao longo do caminho e hoje eu não me vejo trabalhando em outra área. Eu já comecei a trabalhar no meio do curso e agora fui contratado.”

Sobre os planos para o futuro, Francisco complementa, emocionado: “As palavras são poucas pra expressar como que estou me sentindo agora. Daqui há cinco anos, me imagino um profissional de excelência, com a minha pós-graduação, e só progredindo na vida!”, anunciou.

O egresso Carlos Correia já era técnico em eletroeletrônica, mas decidiu fazer também o curso de eletrotécnica da Fatec para se diferenciar no mercado de trabalho: “Eu já estou trabalhando, no Senai de Juazeiro, e quero crescer cada vez mais e nunca parar de estudar, declarou.

O professor da Fatec Cariri, Wagner Sales, que também é coordenador do laboratório de análise físico-química de águas e afluentes, destaca que a faculdade do Instituto Centec, em Juazeiro do Norte, atende à demanda dos que querem ir para o mercado de trabalho ou seguir carreira acadêmica.

“Como professor, eu me sinto realizado, pois os nossos alunos são como uma semente que a gente planta no mundo. O Centec e a Fatec Cariri conseguem aliar com maestria a demanda por conhecimentos tantos teóricos, quanto práticos, trazendo benefícios para quem tem foco no mercado de trabalho e para os que querem seguir carreira acadêmica, não deixando nada a desejar de outras faculdades no nosso Estado”, defendeu o docente.

A engenheira de alimentos Edna Mori e o diretor presidente do Instituto Centec, Ferrer Bezerra, foram homenageados por suas contribuições à instituição. Segundo o presidente Ferrer, o Centec oferece oportunidades para jovens e adultos, formando profissionais capacitados a atuar em diversos segmentos produtivos.

Atualmente, a faculdade do Instituto Centec possui mais de 700 alunos matriculados e desenvolve projetos de pesquisa e extensão, além da prestação de serviços às empresas da região por meio dos laboratórios de análises microbiológicas e físico-química de águas e afluentes.

“Os nossos alunos são multiplicadores do conhecimento e a formação que oferecemos é altamente recomendada pelas empresas que os recebem. Com professores que possuem vasta experiência profissional e acadêmica em suas áreas de atuação, e laboratórios de ponta, conseguimos estar na liderança, oferecendo técnicos e tecnólogos competentes e inspirados”, declarou a diretora da Fatec Cariri, Magda Rodrigues.

Por meio de parceria com instituições públicas e privadas, a faculdade oferece estágio supervisionado e proporciona um aprendizado que alia teoria e prática, fornecendo ao mercado de trabalho profissionais qualificados, possuindo alta taxa de empregabilidade.

Fonte: Assessoria de  Comunicação do CENTEC

The post Instituto Centec diploma 75 técnicos e tecnólogos na região do Cariri appeared first on CONSECTI.

]]>
http://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/instituto-centec-diploma-75-tecnicos-e-tecnologos-na-regiao-cariri/feed/ 0
Google for Entrepreneurs Week lota auditório do Parque Tecnológico da Bahiahttp://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/google-entrepreneurs-week-lota-auditorio-parque-tecnologico-da-bahia/ http://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/google-entrepreneurs-week-lota-auditorio-parque-tecnologico-da-bahia/#comments Thu, 30 Oct 2014 13:26:16 +0000 http://www.consecti.org.br/?p=23552 Realizado pela primeira vez no Brasil, o Google for Entrepreneurs Week escolheu o Parque Tecnológico da Bahia para sediar o evento que visa promover o encontro de empreendedores acerca dos temas de tecnologia, inovação e negócios. Com o auditório do Tecnocentro Bautista Vidal lotado, o encontro reuniu, nesta quinta-feira (23), principais agentes inovadores da capital […]

The post Google for Entrepreneurs Week lota auditório do Parque Tecnológico da Bahia appeared first on CONSECTI.

]]>
Realizado pela primeira vez no Brasil, o Google for Entrepreneurs Week escolheu o Parque Tecnológico da Bahia para sediar o evento que visa promover o encontro de empreendedores acerca dos temas de tecnologia, inovação e negócios. Com o auditório do Tecnocentro Bautista Vidal lotado, o encontro reuniu, nesta quinta-feira (23), principais agentes inovadores da capital baiana.

O gerente de Novos Negócios da Google Brasil, Leonardo Assis, veio direto da sede da empresa em São Paulo para participar no evento na Bahia, que teve mais de 250 inscrições. “A semana global de empreendedorismo é um evento que acontece em mais de 30 países e pela primeira vez o Google Brasil trouxe esta iniciativa para cá. Escolhemos Salvador, pois a cidade tem um ecossistema de empreendedorismo muito bacana. A gente está muito feliz de ter realizado o evento aqui no Parque Tecnológico, foi o lugar perfeito, com o melhor o espaço para compartilhar as histórias de sucesso de outras empresas”, comemorou Assis.

A programação do evento contou ainda com a apresentação de cases de sucesso das empresas incubadas pela Áity Incubadora do Parque. Foram apresentados ao público, a plataforma da JusBrasil – organiza e disponibiliza informação jurídica brasileira; da TW2 Sistemas – especializada em sistemas de automação comercial com foco para o varejo de alimentos; da Movpak – criou mochila-skate como nova alternativa de transporte, e da Softwell Solutions – que apresentou sua consolidada plataforma de desenvolvimento de softwares.

Com o olhar atento as novidades do Google for Entrepreneurs Week, a supervisora de atendimento Cristiane Tourinho saiu satisfeita com o evento. “Pude ver muita coisa inovadora, curiosa e interessante, que a gente nem pensa que existe. A experiência de ter vindo no Parque foi muito boa, pois este é um ambiente propício para este tipo de evento, e, principalmente, para o empreendedorismo baiano”, ressaltou.

Fonte: SECTI-BA

The post Google for Entrepreneurs Week lota auditório do Parque Tecnológico da Bahia appeared first on CONSECTI.

]]>
http://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/google-entrepreneurs-week-lota-auditorio-parque-tecnologico-da-bahia/feed/ 0
Acadêmicos de Engenharia da UEA conquistam prêmio em competição nacionalhttp://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/academicos-de-engenharia-da-uea-conquistam-premio-em-competicao-nacional/ http://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/academicos-de-engenharia-da-uea-conquistam-premio-em-competicao-nacional/#comments Thu, 30 Oct 2014 13:24:34 +0000 http://www.consecti.org.br/?p=23550 A equipe Jaraqui, composta por acadêmicos da Escola Superior de Tecnologia (EST) da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), conquistou a categoria “Projeto” e ficou em 3º lugar na classificação geral do II Desafio Universitário de Nautimodelismo (Duna) 2014. A competição, realizada entre os dias 20 e 22 de outubro, em Joinville (SC), envolveu 104 universitários, distribuídos em 12 […]

The post Acadêmicos de Engenharia da UEA conquistam prêmio em competição nacional appeared first on CONSECTI.

]]>
A equipe Jaraqui, composta por acadêmicos da Escola Superior de Tecnologia (EST) da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), conquistou a categoria “Projeto” e ficou em 3º lugar na classificação geral do II Desafio Universitário de Nautimodelismo (Duna) 2014. A competição, realizada entre os dias 20 e 22 de outubro, em Joinville (SC), envolveu 104 universitários, distribuídos em 12 equipes, de diferentes cursos relacionados à área naval de universidades dos estados de Santa Catarina, Rio de Janeiro, Pernambuco e Rio Grande do Sul.

Participando pela primeira vez da competição, a UEA foi representada por dez acadêmicos. O nome da equipe é uma homenagem ao peixe mais conhecido do Amazonas e também uma forma de homenagear a região. Dos membros da equipe, oito são do curso de Engenharia Naval, um é acadêmico de Engenharia Civil e um cursa Engenharia Elétrica. Os acadêmicos são: Paulo Vinícus, Marcelo Henrique, Brizamar Aguiar, Nadson Cavalcante, Erick Monteiro, Reggio Oliveira, Leno Matos, Alexandre Correa, Haianny Pereira e Mateus Monteiro.

De acordo com os acadêmicos, a ideia de participar da competição tinha o objetivo de fazer algo diferente, aprender, levar o nome da UEA, além de adquirir experiência atuando na área por meio da troca de experiências com outros universitários e profissionais do mesmo ramo de atuação.

Para os acadêmicos, um dos diferenciais para conquistar o prêmio foi em razão da embarcação da UEA ter sido produzida em alumínio naval, além do controle remoto do nautimodelo que também foi desenvolvido pelos acadêmicos. A embarcação foi desenvolvida no período de três meses.

“Conquistar o prêmio de melhor projeto foi, ao mesmo tempo, uma surpresa e também muito gratificante ver o resultado do nosso esforço. Agora o nosso objetivo é implantar o laboratório de nautimodelismo na UEA e deixar isso como legado para os próximos acadêmicos do curso. Vamos continuar investindo em projetos desse tipo e produzindo novas embarcações”, disse Paulo Vinícius, acadêmicos de Engenharia Naval.

O coordenador do curso, professor Eduardo Rafael Barreda, ressalta que o resultado obtido pelos acadêmicos mostra potencial dos profissionais que serão formados pela UEA futuramente.

“Foram três meses de muito trabalho, eles tiveram que aprender diversas atividades na prática como soldar alumínio e trabalhar com outros materiais. A expectativa com a participação deles era uma forma de conhecer o curso mais profundamente, além de promover a interação deles com os acadêmicos de outras universidades. Eles voltaram com contatos e mais conhecimento, esse era o objetivo. O prêmio surgiu como um lucro a mais”, disse Barreda.

O diretor da Escola Superior de Tecnologia (EST), Cleto Cavalvente Leal, parabenizou os universitários lembrando que a participação em competições nacionais é fundamental para o sucesso da primeira turma do curso de Engenharia Naval, como também de outros cursos.

“A participação trará um retorno positivo para que outros jovens possam escolher o curso no próximo Vestibular. Participar da competição e conquistar prêmios mostra o empenho desses futuros profissionais dentro do curso e também comprometimento com o desenvolvimento industrial do Amazonas”, completou Leal.

DUNA

Desafio Universitário de Nautimodelismo é um projeto criado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Campus Joinville, que consiste numa competição universitária inédita no Brasil e de abrangência nacional. O projeto Duna, mediante a proposta de competição onde os universitários são estimulados a desenvolverem e construírem um modelo funcional, em escala reduzida, de uma embarcação, tem por objetivo fomentar a geração de inovações na área de Engenharia Naval e estimular a interação entre alunos de engenharia, sobretudo, da área naval.

Fonte: UEA

The post Acadêmicos de Engenharia da UEA conquistam prêmio em competição nacional appeared first on CONSECTI.

]]>
http://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/academicos-de-engenharia-da-uea-conquistam-premio-em-competicao-nacional/feed/ 0
Divulgada lista dos candidatos às vagas no Conselho Superior da Fapealhttp://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/divulgada-lista-dos-candidatos-vagas-conselho-superior-da-fapeal/ http://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/divulgada-lista-dos-candidatos-vagas-conselho-superior-da-fapeal/#comments Thu, 30 Oct 2014 13:21:36 +0000 http://www.consecti.org.br/?p=23548 A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal) encerrou, na última sexta-feira (17), o processo de inscrição para três vagas em seu Conselho Superior. Duas são para a área de Ciências Biológicas e da Saúde e uma para Ciências Sociais e Humanas. Somente doutores podem concorrer. A próxima fase é a da […]

The post Divulgada lista dos candidatos às vagas no Conselho Superior da Fapeal appeared first on CONSECTI.

]]>
A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal) encerrou, na última sexta-feira (17), o processo de inscrição para três vagas em seu Conselho Superior. Duas são para a área de Ciências Biológicas e da Saúde e uma para Ciências Sociais e Humanas. Somente doutores podem concorrer.

A próxima fase é a da campanha dos candidatos entre seus pares para a eleição que ocorrerá em 4 de novembro. Depois, serão enviadas as listas tríplices para o Governador, que nomeia o escolhido.

Conheça os inscritos:

Edital 3/2014 – Área de Ciências Biológicas e da Saúde

ANA PAULA DE ALMEIDA PORTELA DA SILVA

MAGNA SUZANA ALEXANDRE MOREIRA

MARIA ALAYDE MENDONÇA DA SILVA

NIDIA NOEMI FABRÉ

Edital 4/2014 – Área de Ciências Sociais e Humanas

DANIELA DO CARMO KABENGELE

MARIA CECÍLIA JUNQUEIRA LUSTOSA

MARIO CÉSAR JUCÁ

VERÔNICA TEIXEIRA MARQUES

WALTER MATIAS LIMA

Fonte: FAPEAL

The post Divulgada lista dos candidatos às vagas no Conselho Superior da Fapeal appeared first on CONSECTI.

]]>
http://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/divulgada-lista-dos-candidatos-vagas-conselho-superior-da-fapeal/feed/ 0
Força Aérea e CPqD têm novo laboratóriohttp://www.consecti.org.br/destaques/forca-aerea-e-cpqd-tem-novo-laboratorio/ http://www.consecti.org.br/destaques/forca-aerea-e-cpqd-tem-novo-laboratorio/#comments Thu, 30 Oct 2014 13:17:23 +0000 http://www.consecti.org.br/?p=23545 O programa de modernização do Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (Sisceab), baseado em tecnologias digitais, sistemas de base terrestre e de satélites, conta agora com o suporte de um laboratório inédito no país. Nele serão testadas e qualificadas novas tecnologias de comunicação entre centros de controle e pilotos. O laboratório foi montado, em […]

The post Força Aérea e CPqD têm novo laboratório appeared first on CONSECTI.

]]>
O programa de modernização do Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (Sisceab), baseado em tecnologias digitais, sistemas de base terrestre e de satélites, conta agora com o suporte de um laboratório inédito no país. Nele serão testadas e qualificadas novas tecnologias de comunicação entre centros de controle e pilotos.

O laboratório foi montado, em Campinas, pelo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD), em parceria com a Força Aérea Brasileira (FAB). O projeto absorveu até agora R$ 2,5 milhões. Os recursos, segundo o diretor de redes convergentes do CPqD, Paulo Cabestré, foram financiados pela FAB. Até a montagem da versão definitiva do laboratório, em meados de 2015, o investimento total será de R$ 9 milhões.

“Com os recursos deste laboratório o Departamento de Aeronáutica poderá fazer a migração segura e gradativa da tecnologia de comunicação ponto a ponto (usada hoje) para os serviços em rede IP (via nuvem), dentro dos padrões internacionais definidos pela Eurocae (European Organization for Civil Aviation Equipment)”, diz Cabestré.

No sistema ponto a ponto a comunicação se dá entre dois pontos preestabelecidos. Na rede IP (protocolo de internet) é possível a comunicação entre vários pontos, mas o sistema tem condições de controlar a transmissão, priorizando as mensagens mais importantes. A nova tecnologia melhora a qualidade do sinal e a mensagem chega rapidamente e mais limpa.

O piloto se comunica com a torre de controle via rádio. A comunicação é transmitida para uma antena, que repassa para o controlador, usando uma estrutura terrestre. A rede IP está nesse segmento terrestre. Dependendo da configuração do serviço, mesmo que seja pela internet, é possível ter mecanismos de proteção dos dados.

Os novos sistemas serão adotados em toda a rede de controle do espaço aéreo do Brasil para modernizar e atender de forma segura o crescente fluxo de tráfego aéreo projetado para o futuro, informou o presidente da Comissão de Implantação do novo Sistema de Controle do Espaço Aéreo (Ciscea), major-brigadeiro do ar Carlos Vuyk de Aquino.

A tecnologia já começou a ser testada na região do Cindacta III (Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo), que controla o tráfego aéreo do Nordeste e parte do Oceano Atlântico. Sediado em Recife, o centro abrange uma área total de 13,5 milhões de quilômetros quadrados. A meta, segundo Aquino, é que o novo sistema esteja em todo o território brasileiro até 2019.

Enquanto a fase de implantação e testes da rede IP está em andamento, o sistema de comunicação do país funcionará de forma redundante, com as atuais tecnologias de comunicação terrestre e por satélites. “O mais importante é que a comunicação entre o piloto da aeronave e controlador de voo estará garantida”, diz Cabestré.

A partir da integração das tecnologias de rádio, telefonia e dados, o laboratório vai oferecer os cenários possíveis para o transporte de informações relacionadas ao controle do tráfego aéreo.

Com essa rede, diz Cabestré, o Brasil integra o seleto grupo de países (Estados Unidos, Alemanha e França) que hoje também está investindo em novas tecnologias de navegação aérea.

“Todos os países vão para esse mesmo caminho. As operadoras de telecomunicações já estão em processo de descontinuar os serviços de comunicação ponto a ponto”, diz Aquino.

Os investimentos em tecnologias avançadas de navegação e comunicação aérea permitiram que o Brasil se tornasse um dos países mais avançados em gestão e controle de tráfego aéreo. É o primeiro país da América do Sul, segundo Cabestré, a migrar para rede IP.

O laboratório instalado no CPqD, segundo o brigadeiro Aquino, atende ao objetivo do país de construir um modelo de rede compatível com a criticidade do serviço que é prestado pela Aeronáutica. “Vamos implementar serviços e qualificar equipamentos que foram previamente testados neste laboratório”, afirmou.

Ao deixar os canais dedicados para usar redes estatísticas, o país também usará seu sistema de forma mais eficiente. “Estimamos uma economia de 30%, pois só vamos usar a rede quando precisarmos. Na comunicação ponto a ponto ela fica sempre disponível, o que gera custo maior”, disse. “A nova tecnologia é mais flexível, pois permite melhor compartilhamento e uso de recursos de rede.”

Fonte: Valor

The post Força Aérea e CPqD têm novo laboratório appeared first on CONSECTI.

]]>
http://www.consecti.org.br/destaques/forca-aerea-e-cpqd-tem-novo-laboratorio/feed/ 0
Brasil aceita levar governança da Internet ao Fórum Econômico Mundialhttp://www.consecti.org.br/destaques/brasil-aceita-levar-governanca-da-internet-ao-forum-economico-mundial/ http://www.consecti.org.br/destaques/brasil-aceita-levar-governanca-da-internet-ao-forum-economico-mundial/#comments Thu, 30 Oct 2014 13:11:45 +0000 http://www.consecti.org.br/?p=23543 Apesar do festejado sucesso do encontro global sobre a governança da Internet, o NetMundial, realizado em abril, há sinais de que o Brasil vai ceder às pressões da ICANN para que a discussão seja levada para o Fórum Econômico Mundial. O acerto já foi aprovado pelo Comitê Gestor da Internet, CGI.br, e deve ser formalmente […]

The post Brasil aceita levar governança da Internet ao Fórum Econômico Mundial appeared first on CONSECTI.

]]>
Apesar do festejado sucesso do encontro global sobre a governança da Internet, o NetMundial, realizado em abril, há sinais de que o Brasil vai ceder às pressões da ICANN para que a discussão seja levada para o Fórum Econômico Mundial. O acerto já foi aprovado pelo Comitê Gestor da Internet, CGI.br, e deve ser formalmente anunciado na próxima semana.

Sob o argumento de que o Brasil não deve se recusar a participar das discussões, a adesão ao NetMundial Initiative foi aprovada por consenso, ainda que mesmo no debate dentro do CGI.br tenha sido lembrado que a “iniciativa” deveria ser reformulada para aproximar-se do que foi estabelecido para o evento de São Paulo, a começar pelo sistema de tomada de decisões.

Até por isso, ao confirmar a adesão o Comitê Gestor da Internet sugeriu que seja “assegurado o envolvimento de todos os interessados”, com base nos princípios desenvolvidos durante o NetMundial. Em particular, o sistema “bottom-up” de indicações dos participantes e dos coordenadores. Ainda não há resposta da ICANN sobre as sugestões.

Há, também, mesmo dentro do CGI.br, quem suspeite que o momento do anúncio tenha sido calculado para causar impacto durante a Conferência de Plenipotenciários da União Internacional de Telecomunicações, que continua até 7 de novembro em Busan, na Coreia do Sul. Nesse sentido, seria mais um argumento para que a UIT evite tratar de temas relacionados à Internet.

Chamado de NetMundial Initiative, ou NMI, esse movimento tem muito pouco em comum com a reunião realizada em São Paulo – talvez o único seja o próprio presidente da ICANN, Fadi Chehadé, que costurou o envolvimento com o Fórum Econômico. Ao contrário do formato do NetMundial original, de “baixo para cima”, o NMI foi formado a partir de indicações pessoais.

Essa foi uma das principais críticas à “Iniciativa”, quando anunciada como parte do IGF Forum, realizado em Istambul, no início de setembro. Ou melhor, mesmo antes, quando vazaram documentos relativos ao NMI pelos quais evidenciou-se que a ideia era fazer uma discussão restrita.

Com preferência a governantes e representantes de indústrias essencialmente ocidentais, ficavam de fora organizações da sociedade civil – a começar pelo próprio CGI.br, embora Chehadé tenha defendido a iniciativa como uma continuidade “para levar adiante o espírito do NetMundial”. Asiáticos, como a China, também não estavam na lista de “convidados”.

O próprio coordenador do CGI.br, Virgílio Almeida, lembrou, na época, que “para a iniciativa ser crível, deve ser inclusiva, construída ‘de baixo para cima’, alavancar processos, fóruns e iniciativas existentes, e deve considerar diferentes requisitos de cada interessado. Em resumo, a Iniciativa NetMundial deve ser verdadeiramente ‘multissetorial’”. Em setembro, o portal Convergência Digital antecipou essa discussão.

Fonte: Convergência Digital

The post Brasil aceita levar governança da Internet ao Fórum Econômico Mundial appeared first on CONSECTI.

]]>
http://www.consecti.org.br/destaques/brasil-aceita-levar-governanca-da-internet-ao-forum-economico-mundial/feed/ 0
Argentina recebe projeto de Lei que garante TICs como direito fundamentalhttp://www.consecti.org.br/destaques/argentina-recebe-projeto-de-lei-que-garante-tics-como-direito-fundamental/ http://www.consecti.org.br/destaques/argentina-recebe-projeto-de-lei-que-garante-tics-como-direito-fundamental/#comments Thu, 30 Oct 2014 13:06:08 +0000 http://www.consecti.org.br/?p=23541 Em ação conjunta ministerial, o governo da Argentina deverá receber nesta quarta-feira, 29, uma proposta de um projeto de lei federal para tecnologia da informação e comunicação (TIC) que reformula a Lei de Telecomunicações nº 19.798, datada de 1972. Os principais pontos do projeto Argentina Digital são a universalização do acesso às TICs como direito […]

The post Argentina recebe projeto de Lei que garante TICs como direito fundamental appeared first on CONSECTI.

]]>
Em ação conjunta ministerial, o governo da Argentina deverá receber nesta quarta-feira, 29, uma proposta de um projeto de lei federal para tecnologia da informação e comunicação (TIC) que reformula a Lei de Telecomunicações nº 19.798, datada de 1972. Os principais pontos do projeto Argentina Digital são a universalização do acesso às TICs como direito fundamental humano, a neutralidade de rede, a eliminação das tarifas de longa distância, instauração de normas de qualidade de serviço de Internet com obrigatoriedade de revisão de velocidades, e implantação do conceito de inviolabilidade nas comunicações digitais.

A proposta será apresentada ao Congresso pelo ministro do Planejamento, Julio De Vido; pelo ministro da Economia, Axel Kicillof; e pelo secretário de Comunicações, Norberto Berner. Em comunicado, De Vido afirma que “será garantido o desenvolvimento de redes que permitam às pessoas acessar o maior universo de informação e comunicação disponível”. A finalidade é possibilitar o acesso a todos os habitantes aos serviços de TIC “em condições equivalentes, com os mais altos parâmetros de qualidade”.

O projeto chama a regulamentação da legislação atual de “anacrônica e desatualizada” e cita o enfoque internacional diferente em leis de antitruste (EUA), intervencionista (Japão) e intermediário (União Europeia). Na América Latina, o projeto destaca os cenários de México e Colômbia. Caso vire Lei, o texto teria um período de transição de dois anos para que empresas e o próprio governo se adaptem às conformidades da regulamentação.

Metas

Uma das metas é a de transformar os serviços de TIC em serviço universal, como são transporte, energia e água, por exemplo, garantindo a prestação a todos os usuários “com qualidade e preços justos, independente de sua localização geográfica”. A responsabilidade de definir a política pública para alcançar tal objetivo fica atribuída ao Poder Executivo. O projeto propõe também a criação de um fundo de financiamento para investimentos de implantação de rede para o acesso universal.

O projeto de lei também prevê a obrigação de acesso e de interconexão mútua entre provedores de TIC. Na prática, isso impediria acordos de peering, como tem acontecido nos Estados Unidos entre operadoras e provedores over-the-top (OTT). E garantiria a neutralidade de rede para que o acesso não seja degradado de acordo com o conteúdo. Logo no primeiro artigo, ele já garante a neutralidade e exclui a regulamentação por qualquer tipo de conteúdo, “qualquer que seja seu meio de transmissão”.

Um dos pontos mais polêmicos é o da convergência de outorgas, uma licença única para a prestação de serviços. No artigo 9º, o projeto sugere que o pedido de licença seja de “prestação de serviços de TIC” e indiscriminando o meio, “sejam fixos, móveis, cabeados ou sem fio, nacionais ou internacionais, com ou sem infraestrutura própria”. Essa nova modalidade permite a prestação de serviços audiovisuais, e vice-versa.

A proposta também espera por metas de qualidade, estabelecendo um índice de velocidade mínima de transmissão (VMT) que deverá ser comunicada com prazo de 180 dias e terá revisão obrigatória em até dois anos. O texto inclui ainda a administração, gestão e controle do espectro radioelétrico e do uso satelital, dando prioridade de uso aos satélites argentinos.

Cenário

A Argentina possui 45 milhões de acessos móveis atualmente. O mercado possui penetração de serviços de TIC em 95,4% das residências, e o acesso móvel é o mais popular em 19 das 23 províncias no país. A telefonia fixa chega a 61,9% das residências, enquanto a Internet tem penetração de 43,8% nas áreas urbanas. Além disso, 82% da população são cobertos pela TV digital.

Fonte: Teletime

The post Argentina recebe projeto de Lei que garante TICs como direito fundamental appeared first on CONSECTI.

]]>
http://www.consecti.org.br/destaques/argentina-recebe-projeto-de-lei-que-garante-tics-como-direito-fundamental/feed/ 0
Acre, Rondônia e Consecti firmam acordo em Brasíliahttp://www.consecti.org.br/destaques/acre-rondonia-e-consecti-firmam-acordo-em-brasilia/ http://www.consecti.org.br/destaques/acre-rondonia-e-consecti-firmam-acordo-em-brasilia/#comments Thu, 30 Oct 2014 12:55:27 +0000 http://www.consecti.org.br/?p=23538 Os representantes da Secretaria de Ciência e Tecnologia do Acre (Sect), do Conselho Nacional dos Secretários de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Consecti), do Fórum Democrático de Discussão para o Desenvolvimento da Ciência e Tecnologia na Amazônia Ocidental e da Fundação de Amparo à Pesquisa de Rondônia estiveram reunidos no dia 27 de outubro […]

The post Acre, Rondônia e Consecti firmam acordo em Brasília appeared first on CONSECTI.

]]>
Os representantes da Secretaria de Ciência e Tecnologia do Acre (Sect), do Conselho Nacional dos Secretários de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Consecti), do Fórum Democrático de Discussão para o Desenvolvimento da Ciência e Tecnologia na Amazônia Ocidental e da Fundação de Amparo à Pesquisa de Rondônia estiveram reunidos no dia 27 de outubro em Brasília e firmaram acordo com o objetivo de atender as demandas dos Estados emergentes da região para a implementação do Plano de Ciência, Tecnologia e Inovação para o Desenvolvimento da Amazônia Legal (PCTI da Amazônia).

Durante a reunião também foi realizada a criação de um Grupo de Trabalho com o objetivo de implementar a Carta de Porto Velho, subscrita pelos Governos do Acre e de Rondônia, bem como pelo conjunto de Instituições dos referidos Estados, que será coordenado pelo secretário de Ciência e Tecnologia do Acre, Marcelo Minghelli. A Carta de Porto Velho propõem uma política diferenciada dentro do PCTI da Amazônia para os estados cujas estruturas de governança de CT&I foram criadas recentemente (AP, AC, RO, TO e RR).

Além da criação do Grupo de Trabalho, também foram definidos: cronograma de reuniões com Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e agências para apresentação das propostas contidas na Carta de Porto Velho, cronograma conjunto de discussões Consecti e do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amaro à Pesquisa (Confap) sobre as demandas dos Estados Emergentes, adesão dos Estados do Acre e Rondônia ao PCTI da Amazônia e assinatura de ratificação da Carta em Rio Branco na Semana da Economia Criativa Digital (ECD), em novembro.

Esse acordo significa uma vitória do Acre e Rondônia que vem lutando para que os estados emergentes da região tenham uma política diferenciada no PCTI da Amazônia.

Fonte: SECT-AC

The post Acre, Rondônia e Consecti firmam acordo em Brasília appeared first on CONSECTI.

]]>
http://www.consecti.org.br/destaques/acre-rondonia-e-consecti-firmam-acordo-em-brasilia/feed/ 0
Santa Catarina firma acordo internacional com Berlim para reforçar pesquisas na área de inovaçãohttp://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/santa-catarina-firma-acordo-internacional-com-berlim-para-reforcar-pesquisas-na-area-de-inovacao/ http://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/santa-catarina-firma-acordo-internacional-com-berlim-para-reforcar-pesquisas-na-area-de-inovacao/#comments Mon, 27 Oct 2014 12:42:32 +0000 http://www.consecti.org.br/?p=23532 Um protocolo de intenções foi assinado nesta sexta-feira, 17, entre a Secretaria do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), Secretaria Executiva de Assuntos Internacionais e o Berlin Partner für Wirtschaft und Technologie GmbH, entidade público-privada que representa o Estado de Berlim, na Alemanha. “A ideia é apoiar o intercâmbio econômico, tecnológico e de inovação em atividades comuns, […]

The post Santa Catarina firma acordo internacional com Berlim para reforçar pesquisas na área de inovação appeared first on CONSECTI.

]]>
Um protocolo de intenções foi assinado nesta sexta-feira, 17, entre a Secretaria do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), Secretaria Executiva de Assuntos Internacionais e o Berlin Partner für Wirtschaft und Technologie GmbH, entidade público-privada que representa o Estado de Berlim, na Alemanha. “A ideia é apoiar o intercâmbio econômico, tecnológico e de inovação em atividades comuns, visando fortalecer as relações e o desenvolvimento mútuo”, afirma o secretário em exercício da SDS, Claudir Maciel.

O acordo tem o objetivo de viabilizar mais cooperação para pesquisas em inovação, principalmente na área de fotônica, ou seja, a ciência que estuda a aplicação de luz em diferentes níveis. Outro memorando, com o mesmo tema, foi assinado entre a Berlin Partner, a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) e a Fundação Certi.

O presidente da Fapesc, Sergio Gargioni, defende maior volume de recursos para transformar conhecimento em inovação ou outros benefícios para o Brasil. “É preciso investimento na área de CTI independente da situação do país. A Alemanha, mesmo durante a crise, não deixou de investir de 3 a 3,5% do seu PIB em pesquisa e desenvolvimento”, disse.

O senador Luiz Henrique da Silveira salientou a presença de grandes empresas alemãs no Estado, como a Bosch, a Netzch e, mais recentemente, a BMW. “Queremos ainda mais parcerias e, em 2015, teremos o encontro econômico entre Brasil e Alemanha aqui em Santa Catarina, em Joinville”, revelou. Este é um dos maiores eventos econômicos e a última vez que o encontro foi numa cidade catarinense foi em 2007, em Blumenau.

A assinatura contou com a presença da responsável pela cooperação internacional do Ministério de Economia, Tecnologia e Pesquisa do Estado de Berlim, Barbara Staib; do presidente da Divisão de Indústrias de Manufatura do Berlin Partner für Wirtschaft und Technologie GmbH, Sebastian Saule; do cônsul geral da Alemanha em Porto Alegre, Stefan Traumann; do Secretário de Políticas de Turismo do Ministério do Turismo, Vinícius Lummertz; e do presidente da Fundação Certi, Carlos Alberto Schneider.

Fonte: SDS-SC

The post Santa Catarina firma acordo internacional com Berlim para reforçar pesquisas na área de inovação appeared first on CONSECTI.

]]>
http://www.consecti.org.br/giro-nos-estados/santa-catarina-firma-acordo-internacional-com-berlim-para-reforcar-pesquisas-na-area-de-inovacao/feed/ 0