+55 (61) 9 7400-2446

Destaques

Nobel de Física vai para 3 japoneses por iluminação a LED

Os japoneses Isamu Akasaki, Hiroshi Amano e Shuji Nakamura, este último naturalizado americano, foram agraciados nesta terça-feira com o Prêmio Nobel de Física 2014 pela invenção do diodo emissor de luz LED, anunciou a Real Academia das Ciências da Suécia.

A descoberta se inscreve no “espírito de Alfred Nobel” de fazer invenções que geram grande benefício à humanidade, afirmou o comitê do Nobel no Instituto Karolinska, em Estocolmo, na Suécia.

O diodo LED, destacou, é “uma nova luz para iluminar o mundo”, mais eficiente e sustentável com o meio ambiente por economizar energia.

Isamu Akasaki nasceu em 1929 em Chiran, Japão, e fez seu doutorado em 1964 pela Universidade de Nagóia. É catedrático da Universidade Meijo de Nagóia e professor emérito da Universidade de Nagóia.

Hiroshi Amano nasceu em 1960 em Hamamatsu, Japão, e defendeu sua tese de doutorado em 1989 também pela Universidade de Nagóia, onde é catedrático.

Shuji Nakamura nasceu em 1954 em Ikata, Japão, e se tornou doutor em 1994 pela Universidade de Tokushima. Naturalizado americano, é professor na Universidade da Califórnia.

Em 2013, os ganhadores do Nobel de Física foram o cientista belga François Englert e o britânico Peter Higgs pela descoberta da partícula subatômica conhecida como Bóson de Higgs.

A atual edição do Prêmio Nobel começou ontem com a concessão do prêmio de Medicina para o americano John O”Keefe e o casal norueguês May-Britt Moser e Edvard Moser, pela descoberta das “células que constituem o sistema de posicionamento do cérebro”.

Segundo o comitê, os premiados descobriram o “GPS interno” do cérebro que possibilita a orientação no espaço.

Amanhã, serão divulgados os ganhadores do Nobel de Química, na quinta-feira o de Literatura, na sexta-feira o da Paz e na segunda-feira o de Economia.

Além do reconhecimento por seus trabalhos, os premiados em cada categoria receberão 8 milhões de coroas suecas (US$ 1,1 milhão).

A entrega dos prêmios será realizada, como estabelece a tradição, no dia 10 de dezembro, aniversário da morte de Alfred Nobel, em Estocolmo, para os vencedores das categorias Medicina, Física, Química, Literatura e Economia. O Nobel da Paz será entregue no mesmo dia, mas em Oslo, na Noruega.

Fonte: Exame com informações da Agência EFE

Próximos Eventos