+55 (61) 9 7400-2446

Destaques

MIT estuda oferecer cursos de graduação de menos de 4 anos

O Instituto de Tecnologia de Massachusetts, o MIT, deverá considerar o aumento de sua população de carreiras universitárias e permitir que os estudantes completem a graduação em menos de quatro anos para incrementar suas receitas, disse um relatório interno.

Catorze por cento da receita de US$ 2,2 bilhões da universidade veio do ensino em 2013. O tamanho da população de graduandos pouco mudou desde o início dos anos 1980, segundo o relatório divulgado ontem.

A universidade com sede em Cambridge, Massachusetts, organizou uma força-tarefa interna na gestão do presidente L. Rafael Reif, 18 meses atrás, para repensar as operações do MIT em um momento em que a receita da instituição enfrenta uma pressão cada vez maior, particularmente dos setores de ensino e de financiamento a pesquisas, segundo o relatório.

“Preservar e melhorar o excepcional ambiente educacional e de pesquisa do MIT exigirá o fortalecimento das fontes atuais de recursos e a avaliação de novas oportunidades de receita”, disse a universidade em um comunicado.

Uma forma de ampliar o corpo de estudantes e a receita com o ensino é permitir que os estudantes concluam as graduações regulares em menos de quatro anos para abrir espaço nos alojamentos estudantis, disse a força-tarefa.

A escassez de habitação é uma das barreiras mais significativas ao aumento da população de graduandos.

Em 2013, o MIT recebeu 19.000 candidaturas de graduação. A universidade admitiu 8,2 por cento dos candidatos.

“Claramente há uma grande necessidade não atendida por educação de alta qualidade”, disse a força-tarefa.

“A Força Tarefa incentiva o MIT a avaliar possibilidades de obter aumentos no tamanho das turmas de graduação para que mais estudantes possam viver a rica magia de uma educação com moradia no MIT”.

Fonte: Exame

Próximos Eventos