Destaques

Inova Aerodefesa aprova R$ 8,68 bilhões em projetos

O programa Inova Aerodefesa selecionou 315 projetos a serem beneficiados com investimentos de R$ 8,68 bilhões em recursos através da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Eles se referem a projetos apresentados por 64 empresas, diretamente relacionados a 91 planos de negócios.

Do total de projetos, 53 receberão apoio não reembolsável no valor de R$ 291 milhões. Desses, 34 projetos de 22 empresas receberam o equivalente a R$ 150 milhões em subvenção econômica; 22 projetos de 13 instituições terão R$ 41 milhões em recursos não reembolsáveis destinados à cooperação ICT/Empresa. Também foram disponibilizados R$ 100 milhões do Funtec, do BNDES.

Segundo o Departamento das Indústrias Aeroespacial, Defesa e Segurança da Finep, dos 12 editais lançados até o momento no âmbito do Plano Inova Empresa, o Inova Aerodefesa é o que disponibilizou o maior volume de recursos não reembolsáveis.

Ainda assim, em declaração conjunta das ‘entidades apoiadoras’ – ministérios da Defesa e de Ciência e Tecnologia, Finep, BNDES e a Agência Espacial Brasileira – ficou ressaltada a distância entre os valores disponíveis na modalidade frente ao tamanho da demanda pelos recursos ‘não reembolsáveis’.

“Como a disponibilização de tais recursos foi relativamente pequena em comparação com a grande demanda observada, constatou-se a impossibilidade de apoio integral aos diversos projetos de interesse da Defesa e da Agência Espacial Brasileira, sendo então adotados critérios de limitação nos valores a serem alocados para um mesmo projeto e uma mesma empresa proponente, evitando a concentração de recursos.”

Entre as beneficiadas constam empresas como a Embraer, Avibrás, Braskem e Odebrecht Defesa e Tecnologia.

Fonte: Convergência Digital

Próximos Eventos