+55 (61) 9 7400-2446

Destaques

Governo deixa de comprar TI e impacta investimentos no Brasil

As compras governamentais estão impactando negativamente os investimentos em Tecnologia da Informação no Brasil. A décima terceira pesquisa anual do IT4CIO, feita a partir de entrevistas com responsáveis pelo departamento de TI de 1500 empresas de grande e médio porte no País, aponta que, em 2017, os investimentos em TI cresceram 3,1% em Reais, um pouco mais do que a inflação projetada para o ano, que foi de 2,8%.

Este crescimento poderia ter sido maior, se não houvesse a queda dos investimentos de 2,1% por parte do segmento governamental. Desde 2015 o governo vem diminuindo os seus gastos com informática.
“Os governos simplesmente cortaram o orçamento de TI, seja no município, no estado e no governo federal. E para 2018 não há cenário positivo. As compras, se acontecerem, serão até maio, antes do período eleitoral. Quem vende para governo terá um 2018 ainda bastante turbulento. A perspectiva é que a queda no segmento se manterá nos 2%”, observa o diretor de pesquisa da IT Data, parceiro da IT4CIO, Ivair Rodrigues.

Para 2018, 51% dos entrevistados mencionaram que terão os seus orçamentos aumentados em TI, enquanto 23% diminuirão. A previsão é de que haja um aumento médio de 5% este ano.  Ganham prioridade em 2018 os projetos relacionados a automação de TI, cloud computing, BI, segurança da informação, inteligência artificial e Internet das Coisas, detalha Ivair Rodrigues.

Com a melhora da economia, os investimentos em renovação da infraestrutura crescerão em relação aos últimos três anos em que houve poucos investimentos. “As corporações percebem que precisam, pelo menos, começar uma renovação do parque”, acrescenta Rodrigues. Mas a perspectiva de melhoria no cenário de aquisição de TI não significa que 2018 será um ano tranquilo. As empresas – 66% – ainda querem sentar à mesa com seus fornecedores para revisra os contratos. “Há uma busca maior por produtos de infraestrutura, mas ainda há muita negociação acontecendo”, adverte Ivair Rodrigues.

Fonte: Convergência Digital

Próximos Eventos