+55 (61) 9 7400-2446

Destaques

Conselho Nacional de Secretários de CT&I tem novo presidente

Com o desafio de unir esforços junto a parceiros para aumentar os recursos na área de CT&I, assume a presidência do Conselho Nacional de Secretários para Assuntos de Ciência, Tecnologia e Inovação (Consecti), Odenildo Sena.

Secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação do Amazonas, Odenildo Sena, substitui Jadir Péla, que deixa o Consecti para concorrer a uma vaga nas próximas eleições para a Assembleia Legislativa do Espírito Santo.

“Os recursos estão minguados e a área de Ciência e Tecnologia no Brasil corre o risco de descontinuidade de ações por conta da falta de recursos”, alerta Odenildo.

Para ele, os planos de ciência, tecnologia e inovação (PCTIs) que estão sendo elaborados para cada região do País, a exemplo do que foi construído para a Amazônia Legal, demonstram o anseio por um novo modelo de desenvolvimento para o Brasil. “Eles (os PCTIs) têm um valor muito grande, até pela característica com que estão sendo elaborados; a questão da consulta representa um elemento inovador, ou seja, não são planos feitos por pessoas de fora. São planos produzidos por pessoas de cada região; são de construção coletiva”.

A ideia da elaboração de um Plano de Ciência, Tecnologia e Inovação para o Desenvolvimento Amazônia Legal (PCTI/Amazônia) surgiu dos secretários estaduais de CT&I e dos presidentes de fundações de amparo à pesquisa (FAPs) da Região Norte.

O novo presidente do Consecti adianta que o PCTI/Nordeste deve ficar pronto este ano. A elaboração também está sendo coordenada pelo Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE). Da mesma forma como foram planejadas e estão sendo executadas diversas ações para promoção do PCTI/Amazônia, os planos das demais regiões também devem mobilizar os atores estaduais de CT&I e a esfera federal.

Trabalhando em parceria, Consecti e Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) já iniciaram ações não só para promover o PCTI/Amazônia, mas também para apoiar a elaboração dos planos das demais regiões.

“O fato de serem planos de execução em curto, médio e longo prazos, também atribui a eles uma característica diferente, que independe de alguém estar ainda ou não secretário ou presidente ou governador, porque haverá sempre alguém para tocar o plano; ele é de interesse da região, não tem um dono, e isso considero significativo”, argumenta Odenildo.

SENA

Odenildo Sena é graduado em Letras pela Universidade Federal do Amazonas, mestre e doutor  em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Foi presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas  (Fapeam) e do Confap. Já esteve na presidência do Consecti, e agora retorna ao posto.

Como vice-presidente do Consecti assume o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec) de Sergipe, Saumíneo Nascimento.

Fonte: Ciência em Pauta

Próximos Eventos