+55 (61) 9 7400-2446

Destaques

Colombianos são maioria em sala de aula

Embora a presença europeia tenha crescido mais rapidamente dentro das salas de aula no Brasil, são os colombianos que lideram o ranking de vistos concedidos a estrangeiros no país. Tal tendência vem se consolidando desde 2010 e, atualmente, eles somam 1.653 estudantes. Os segundos da lista são os franceses, com 1.175 matrículas, seguidos dos portugueses (1.120).

De acordo com Alberto Serpa, coordenador de relações institucionais e internacionais da Unicamp, a expansão econômica da Colômbia nos últimos anos justifica o interesse dos estudantes em buscar especialização e pós-graduação no Brasil. Isso porque lá, assim como já ocorre por aqui, o mercado de trabalho sofre com a escassez de mão de obra qualificada. A economia colombiana, inclusive, cresceu acima de 4% nos últimos três anos, segundo estimativas do Fundo Monetário Internacional. A expectativa é de que o Produto Interno Bruto (PIB) da região apresente expansão de 4,4% em 2013.

Na Unicamp, é na pós-graduação que os colombianos se destacam dentro do grupo de alunos estrangeiros, representando 32% do total em 2012, ou 203 estudantes. Os institutos de administração, economia, engenharia mecânica e engenharia civil estão entre os mais procurados.

“Parte do aumento da demanda dos estrangeiros pode ser atribuída ao Ciência sem Fronteiras. Mais brasileiros estão indo para fora estudar e, dessa forma, disseminando informações sobre o mercado e o ensino brasileiro”, acredita o coordenador. Nesse sentido, também cresceu o número de instituições internacionais que visitam o Brasil com o objetivo de fazer parcerias de intercâmbio. A vinda de delegações estrangeiras saltou de 60 para 139 entre 2010 e 2012.

Fonte: Valor

Próximos Eventos