Destaques

Berzoini define futuro da Telebras ainda em março

Ao participar do Mobile World Congress, nesta segunda-feira, 02/03, o ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini, disse que a Telebras terá um novo modelo na sua gestão, mas não adiantou detalhes. Segundo ele, o novo presidente da companhia será conhecido também nesse período. “Vou indicar, mas quem decide é a presidenta Dilma”. Ainda sobre a estatal, Berzoini disse apenas que ela terá um papel mais estruturado no projeto de ampliar a oferta de banda larga no país.

Berzoini marcou presença no Mobile World Congress e realizou uma série de encontros com fabricantes para discutir projetos voltados para o governo eletrônico e para as cidades digitais. “Queremos ampliar a oferta de serviços para o cidadão por meio da banda larga móvel”, disse.  Ainda sobre o governo eletrônico, Berzoini disse que há um grupo de trabalho, coordenado pela Casa Civil, que está revendo as estratégias para viabilizar novos programas. “Um deles seria a convergência de cadastros e serviços como já temos hoje com os produtos da receita federal”.

No evento, Berzoini também tratou de governança da Internet, tema que mobilizou o Mobile World Congress do ano passado por conta da realização, em abril, do NetMundial no Brasil, mas que esse ano, já não está na pauta dos principais debates. O ministro manteve um encontro com o presidente do Icann, Fadi Chedahé. À mesa, temas relevantes como neutralidade de rede, privacidade e gestão da Internet. Os executivos discutiram a realização do 10º Fórum de Governança da Internet (IGF, na sigla em inglês), agendado para novembro de 2015, em João Pessoa (PB).

Um dos assuntos que deve ter grande repercussão no IGF será a transição da administração das funções da IANA (Internet Assigned Numbers Authority), autoridade da Internet responsável pela alocação de endereços IP, entre outras atividades. O contrato da ICANN (Internet Corporation for Assigned Names and Numbers), atual administradora da IANA, com o Departamento de Comércio dos Estados Unidos, termina em setembro de 2015 e, segundo anunciou o Governo americano, não será renovado.

Nesta terça-feira, 03/03, Berzoini vai tratar de neutralidade de rede. O ministro terá um encontro reservado com Tom Wheller, presidente do FCC, que está nos centros das atenções, em função da reclassificação dos provedores para serviços de Telecomunicações.

Fonte: Convergência Digital

Próximos Eventos