+55 (61) 9 7400-2446

Destaques

Banda larga móvel cresce mais no Norte e Nordeste, segundo Anatel

A banda larga móvel cresceu 735% em todo o Brasil, entre dezembro de 2010 e o mesmo mês de 2014, passando de 20,6 milhões de acessos para 157,9 milhões, segundo dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Considerando os dados por região, constata-se que Norte e Nordeste foram as que mais registraram novas assinaturas do serviço, com um crescimento de 784% e 795% respectivamente.

Na região Norte, o serviço passou de 1,3 milhões de acessos em dezembro de 2010 para 11,2 milhões em dezembro de 2014. Já na região Nordeste, o total de assinaturas foi de quatro milhões para 35,9 milhões no período analisado.

O gerente de projetos do Ministério das Comunicações Pedro Lucas Araújo afirma que o crescimento maior nessas regiões já era esperado, por uma característica natural do mercado. “As empresas começam oferecendo o serviço em regiões mais populosas, onde o retorno financeiro é mais rápido, e depois buscam novas fronteiras”. Ele destaca, porém, que este movimento foi mais intenso devido às políticas públicas adotadas para o setor, sempre priorizando a redução das desigualdades regionais. “Nos leilões realizados pela Anatel, por exemplo, as empresas vencedoras sempre têm que cumprir metas de expansão de infraestrutura. Essas metas são mais importantes até de que a própria arrecadação do leilão”, afirma.

Uma das obrigações das empresas vencedoras do leilão do serviço 4G, por exemplo, é ofertar a tecnologia de quarta geração em todas as cidades com mais de 30 mil habitantes até dezembro de 2019.

Araújo também ressalta que o enorme crescimento da banda larga móvel em todas as regiões do Brasil comprova que o serviço tem sido um importante instrumento de inclusão digital. “Com um crescimento tão expressivo, fica evidente que o serviço está chegando a todas as camadas sociais e não apenas às classes A e B”, conclui.

Fonte: TI Inside

Próximos Eventos